Segunda-feira, 22 de abril de 2019

Bom dia,

  1

       

  1

PIB continua enfraquecido. O Boletim focus motrou certa letargia no crescimento econômico, com nova queda nas previsões para o PIB. A estimativa mediana para o PIB foi de 1,95% para 1,71% em 2019 e de 2,58% para 2,50% em 2020. Outro dado que saiu na manhã de hoje foi o índice de confiança do empresário industrial que apresentou leve aumento, subindo 0,4 ponto em abril para 97,6. No campo político, a tramitação da PEC da previdência voltará a ser analisada nesta terça-feira. Pelo andamento das negociações a reforma terá uma maior agilidade esta semana, mas o resultado ainda continua bastante incerto. 

 

Incertezas políticas dominam noticiário. Em dia de agenda econômica vazia e de liquidez reduzida por conta do feriado de Páscoa em alguns países da Europa e Hong Kong, os investidores ficam atentos ao noticiário político, com o pedido de impeachment de Trump trazendo ruído. A sinalização de que a isenção de taxas para compra de petróleo iraniano está perto do fim também movimenta o mercado, impulsionando a cotação do petróleo nesta manhã. Na China, as Bolsas ficaram pressionadas por temores com relação ao fim de estímulos monetários, em razão dos dados mais positivos divulgados na última semana.

 

                   

 

Faturamento da Randon (RAPT4) avança. Porém, o crescimento de 9% na receita líquida consolidada de março denota certo arrefecimento frente à alta de 38% registrada em fevereiro e de 26% em janeiro, todos em comparação com o mesmo período de 2018. No acumulado do primeiro trimestre o avanço é de 23%. Contudo, suas ações devem responder de forma marginalmente negativa à divulgação, tendo em vista a desaceleração inesperada no mês. 

 


Bons negócios