Terça-feira, 12 de junho de 2018

 
 

Bom dia,


Sem indicadores na agenda brasileira. Com agenda esvaziada, o mercado fica atento aos movimentos do BC e do Tesouro no mercado cambial e nas revisões da expectativa para a inflação doméstica. Nesse sentido, vale destacar a proximidade da reunião do Copom, na próxima semana. 

a

Queda forte na expectativa econômica da zona do euro. O indicador ficou em -12,6 pontos em junho refletindo, sobretudo, as incertezas acerca do novo governo italiano. O índice na Itália teve forte queda para -48,4 pontos em junho. Na Alemanha, o índice de expectativas econômicas atingiu o menor nível desde setembro de 2012, caindo além do esperado.

Inflação no radar nos EUA. Enquanto o clima amistoso do encontro entre o presidente Trump e o ditador norte-coreano tira um dos focos de tensão do mercado, a agenda americana hoje tem como destaque a divulgação do CPI de maio que, se surpreender para cima, pode trazer os temores do movimento de aperto monetário mais rápido que o esperado pelo Fed, apesar de não ser o índice inflacionário de referência da instituição. Lembrando que amanhã o comitê de política monetária americano deve subir os juros e o mercado ficará atento ao tom do comunicado para balizar as apostas para o resto do ano.

Bolsas europeias pressionadas. As Bolsas asiáticas fecharam o dia no azul, na esteira da reunião em Cingapura, que pode ter um impacto positivo também na relação dos EUA com a China, principal aliada dos norte-coreanos. Já as Bolsas europeias estão mais pressionadas nessa terça, na expectativa com a inflação americana e com a reunião do BCE na quinta, e repercutindo os dados mais negativos, comentados acima.

 

aVale (VALE3) realiza acordo para expandir operações no Canadá. A mineradora fechou um acordo com duas companhias, Wheaton Precious Metals e a Cobalt 27 Capital, onde se compromete a entregar cerca de 75% da venda futura de cobalto, pelo preço médio de venda de 20% do preço de referência na Metal Bulletin, em troca do adiantamento de US$ 690 milhões, que corresponde a cerca de 40% do capex total estimado para expansão subterrânea da mina de Voisey’s Bay, no Canadá. O projeto deve estender a vida útil da mina de 2023 a 2034 e liberar o acesso a reservas de níquel, cobre e cobalto. Ademais, a companhia reitera que acordo "melhora substancialmente o retorno financeiro sobre o capital investido para mais de 35% ao ano", estando, portanto, "alinhado com o rigoroso processo de alocação de capital" e consistente com a "estratégia de preservar sua operacionalidade em níquel, um elemento chave para veículos elétricos". A novidade deve dar novo ímpeto aos papéis da companhia no curto prazo.

Volatilidade fortalece balanço operacional da B3 (B3SA3). Os números referentes ao mês de maio foram apresentados pela companhia e registraram forte avanço em suas plataformas de negociação de ativos. No segmento Bovespa, o volume financeiro se elevou em 48,3% sobre mai/17 e 37,8% na comparação com abril deste ano, com volume médio diário acima dos R$ 13 bilhões. Já em derivativos, o volume médio saltou 52,6%, com mais de 5 milhões de contratos negociados diariamente na BM&F. No mercado de balcão (Cetip), o registro de renda fixa teve alta de 3,3% e o volume financeiro em permanência se elevou em 14,0%, ambos em relação ao quinto mês de 2017. Por fim, na unidade de financiamentos da Cetip houve leve aumento de 1,8% sobre mai/17 no total de veículos financiados. Consideramos bastante consistente o balanço operacional de maio que, associado ao desempenho de abr/18, gera boas expectativas para os resultados financeiros do segundo trimestre da B3.
   
Oi (OIBR4) informa condições do primeiro aumento de capital. Essa capitalização será para atender a conversão dos títulos de dívida detidos pelos credores externos (bondholders) ao preço de emissão de R$ 7,00/ação, sendo que o montante total do aumento de capital deverá ser de R$ 7,3 bilhões, no mínimo, e de R$ 12,3 bilhões, no máximo, conforme previsto no plano de recuperação judicial. Os credores da operadora têm a partir desta sexta-feira, e durante um mês, para exercer direito de preferência e, de acordo com a Oi, essas novas ações farão jus ao recebimento integral de dividendos ou juros sobre o capital próprio que vierem a ser declarados pela companhia a partir da data da homologação do aumento de capital. De todo modo, entendemos que a volatilidade deverá permanecer alta nos ativos OIBR4 em bolsa.

AGENDA DE DIVIDENDOS


 
Bons negócios